Aprende a preparar a marmita para toda a semana

A moda da marmita em Portugal intensificou-se na altura da crise e prolongou-se até aos dias de hoje como sendo uma forma de poupar dinheiro mas também de comer melhor e em doses controladas. Já aconteceu a todos não ter tempo de preparar a lancheira ou mesmo falta de imaginação para variar nos pratos, e a marmita ficou assim em casa.

Tal como planeias o teu dia-a-dia, também deves planear as tuas refeições para que esta tarefa seja mais simples, e com refeições saudáveis e diversificadas. Se preparar marmitas é difícil para ti, segue estas dicas:

1 – Preparar um menu semanal: se o que te falta é imaginação, recorre à internet, à televisão, ou mesmo às revistas de culinária para escolheres receitas saudáveis e práticas para o dia-a-dia. Procura várias e estipula para cada uma para um dia da semana. Lembra-te sempre que é aconselhável que sejam compostas por 50% de hortaliças, 25% de proteína (carne, peixe, ovos, tofu, etc.) e 25% de hidratos de carbono (arroz, massa, batata, etc.);

2 – Lista de compras: quando já souberes o que vais cozinhar, olha para a despensa e anota o que te falta. Vai às compras e compra tudo de uma vez, de preferência na véspera de preparar as refeições;

3 – Cozinhar: escolhe um dia do fim-de-semana para te dedicares à cozinha a preparar as refeições para a semana. Otimiza o tempo e usa o menos loiça possível – coze a massa toda junta, assa os legumes todos juntos, mesmo que sejam para pratos diferentes;

4 – Dividir: nesta parte tem em atenção usar recipientes adequados, de preferência de vidro ou de plástico BPA-Free, caso uses o microondas para aquecer a marmita. Separa as porções de alimentos de forma igual e não te esqueças de colocar uma etiqueta ou escrever no recipiente o dia da semana ou a refeição;

5 – Congelar: deixa arrefecer as tuas refeições cerca de 20/30 minutos, não mais que isso, e coloca as refeições no congelador, mesmo que ainda estejam quentes ou mornas, para não haver proliferação de bactérias. Se as refeições forem para ser consumidas nos dois dias a seguir à preparação, não é necessário congelar;

6 – Descongelar e consumir: na véspera de consumires a refeição, retira o recipiente do congelador e coloca-o no frigorífico para ir descongelando. No dia seguinte só tens de o colocar numa lancheira térmica (se tiveres frigorifico no trabalho coloca-o lá) e aquecer quando quiseres fazer a refeição.

Boas marmitas!

Fonte: Sapo Lifestyle

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *