Sabes que podes pedir uma segunda opinião médica?

Os doentes em Portugal  testam cada vez mais a primeira opinião dos médicos.  Pedir outra opinião médica é um direito e há muitos que o fazem. Há quem tente dentro do Sistema Nacional de Saúde e quem opte por privados. Há também empresas especializadas neste serviço. São pareceres emitidos por empresas privadas, com base em relatórios clínicos e exames já feitos e que podem ser efectuados por médicos nacionais ou internacionais.

A primeira opção dos doentes costuma ser consultar um médico privado. Mas existem também empresas a prestar este serviço. Uma delas é a Best Doctors, uma empresa americana a operar em Portugal há oito anos e que tem acordo com a Allianz. Isto significa que quem subscreve um seguro de saúde da Allianz tem acesso a este serviço. A oncologia, neurocirurgia e ortopedia são as três grandes áreas de procura de uma segunda opinião médica. De acordo com João Pedro Madureira, representante da Best Doctors em Portugal, “a pessoa pede aconselhamento sem custos adicionais  – disponível através de seguros de saúde – e tem acesso a um médico em qualquer parte do mundo. Pedem a história clínica, relatórios e exames dos médicos assistentes ao paciente e hospitais, que são avaliados por médicos que integram a rede internacional.

“É feito o diagnóstico e dadas opções de tratamento em função da experiência e inovação tecnológica. No caso de ser por um medicamento que não está disponível no país, dá-se uma alternativa de igual relevância que esteja. A nossa posição é de apoio e não de substituição,” garante.

Casimira Amorim  foi operada à coluna em março e é um exemplo de como tudo isto se processa. “Pedi uma segunda opinião à Best Doctors para confirmar o diagnóstico que tinha de dois médicos portugueses e qual a melhor opção cirúrgica”, conta. Tinha uma vértebra deslocada que provocava dores, dormência nas pernas e dificuldades em andar. A ficha clínica e os exames foram enviados com a pergunta. A resposta veio de cirurgiões de Washington. “Foi importante para decidir sem hesitar”, dizendo que confirmaram a opção dada por um dos médicos portugueses, que a operou.

Para mais informações consulta http://www.bestdoctors.pt/

Temas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *