Sporting vence a Supertaça Feminina Allianz e garante triplete

Este fim-de-semana, Coimbra foi a capital das Supertaças. Depois de receber no sábado a Supertaça Feminina e Masculina de Futsal, no domingo foi a vez da Supertaça de Futebol Feminino Allianz ter lugar no Estádio Cidade de Coimbra. Foram perto de 3500 as pessoas que entraram no estádio para ver as duas melhores equipas a jogar em Portugal: Sporting Clube de Portugal, vencedora da Liga Allianz e da Taça de Portugal, e o Sporting Clube de Braga, vice-campeã da Liga e equipa vencida na Taça.

As Guerreiras do Minho começaram melhor a partida, com um golo de Pauleta logo aos doze minutos, depois de um livre bem cobrado por Dolores Silva. A partida esteve sempre equilibrada, com oportunidades para ambos os lados, com o Sporting a lutar até aos últimos minutos por uma reviravolta no resultado.

Quando a Supertaça já estava quase na mão das arsenalistas, repetiu-se o filme da final da Taça de Portugal – Ana Capeta saiu do banco aos 82 minutos para marcar o golo que levaria o Sporting ao prolongamento, isto quando o relógio já marcava 90 + 2 minutos de jogo.

O prolongamento foi um sofrimento para as duas equipas, mas principalmente para o Sporting de Braga, que não se conseguiu recompor do golo sofrido. Foi uma tarde de sonho para Ana Capeta: aos 102 minutos marcou o golo da reviravolta e aos 118 minutos o da tranquilidade – fixando o resultado em 3-1, com um hat-trick que vai ficar na memória da jogadora!

O Sporting Clube de Portugal escreveu assim mais uma página na história do Futebol Feminino Nacional, sendo a primeira equipa a conseguir o Triplete: Campeonato Nacional, Taça de Portugal e Supertaça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Excedeu o tempo limite. Por favor preencha o CAPTCHA de novo.